Flamengo sai na frente na final do Carioca 2014






Eles ganharam tudo nos últimos meses. O título do NBB, a Liga das Américas e a tão sonhada Copa Intercontinental, maior título que o clube poderia alcançar no basquete. Depois de todas essas conquistas recentes e de um período de amistosos contra times da NBA, o basquete do Flamengo está a uma vitória de um novo título em 2014. No primeiro jogo da final do Campeonato Estadual, o time do técnico José Neto venceu o Macaé, no Ginásio Juquinha, do Tênis Clube Macaé, por 93 a 81.

A noite contou com o brilho do experiente Marcelinho, cestinha do jogo com 18 pontos, mas também de todo o conjunto rubro-negro. Marquinhos foi outro destaque, com 17. Benite anotou 13, e Walter Herrmann contribuiu com 12 pontos. Com boa atuação de Pedrinho (17 pontos) e do americano Jamaal (13), o Macaé não foi uma presa fácil para o Flamengo, chegando a equilibrar o jogo no começo.

Basquete Macaé x Flamengo (Foto: Raphael Bozeo / Macaé Basquete)

- Você vê a pontuação dos jogadores: foram 17, 13, 12,18 pontos. É assim. desta forma, que a gente consegue ganhar. O ataque não me preocupa tanto. Temos um poderio ofensivo grande. Vamos ver se conseguimos melhorar defensivamente - avaliou o técnico José Neto ao fim da partida.

As duas equipes voltam a se enfrentar nesta terça-feira, às 20h (de Brasília), na Gávea. Se for necessário um terceiro jogo, será na quarta-feira, no mesmo horário, novamente na casa do Flamengo. Caso vença novamente e conquiste o título, o Rubro-Negro chegará ao decacampeonato (décimo título seguido) da competição, vencendo em sequência desde 2005. O feito já havia sido alcançado pelo clube entre 1951 e 60.  Nesta edição, o torneio teve apenas três equipes participantes. Além de Flamengo e Macaé, o Liga Super Basketball também competiu.
Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!