Fla espera último aval de prefeitura do Rio por arena 'padrão NBA'






Final do mundial de clubes de basquete, entre Flamengo e Maccabi Tel Aviv

Campeão brasileiro, campeão das américas e campeão do mundo na ânsia por uma casa moderna. Assim vive o basquete o Flamengo após a conquista do título mundial no último domingo, no Maracanãzinho. Basta uma canetada do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, para que uma arena moderna, de "padrões NBA", mas com menor porte, seja levantada na Gávea.

As conversas estão alinhavadas com a cadeia norte-americana de fast food McDonald´s, que vai bancar a obra, em valor estimado em cerca de R$ 25 milhões. Em troca, a rede de lanchonetes teria uma grande loja que atenderia ao clube e à própria arena. Além disso, o Flamengo ficaria liberado para buscar negociar o naming rights do local, sem a obrigatoriedade, por exemplo, de nomeá-la oficialmente de Arena McDonalds.

O projeto começou a ser desenhado ainda na gestão de Patricia Amorim, sob a batuta do então vice de patrimônio e atual vice de futebol, Alexandre Wrobel. Já na atual gestão, ele foi levado adiante com a manutenção do dirigente. Desde então, o projeto teve de passar pela tramitação natural de prefeitura, com aprovação de órgãos competentes. Resta, agora, o aval definitivo, no que tange ao gabarito da obra, ou seja, as definições do espaço ocupado pela arena. Feito isto, o acordo seria levado ao Conselho Administrativo do clube para ser aprovado.

A arena, climatizada, com telões em lcd, lembrando os padrões NBA, ficaria no espaço onde existia um posto de gasolina e, atualmente, existe um estacionamento. O local seria poliesportivo, com possibilidade, também, de sediar partidas de vôlei e futsal em caso de necessidade. No domingo, o time masculino de basquete se sagrou campeão mundial na HSBC Arena, na Barra da Tijuca, com capacidade para até 18 mil torcedores.

A American Airlines Arena, do Miami Heat, no Estados Unidos, por exemplo, tem capacidade para 19.600 torcedores. Ainda que menor, o basquete rubro-negro torce para ter uma casa nova para chamar de sua. Depende, agora, de uma assinatura de Eduardo Paes. A reportagem tentou contato com o atual vice de patrimônio do clube, Wallim Vasconcellos, mas não houve retorno às ligações.

Fonte: ESPN
Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!