Flamengo é derrotado pelo Mogi das Cruzes no NBB







O Mogi das Cruzes/Helbor não só conseguiu a classificação inédita para as Finais do NBB, como também, nesta terça-feira, superou o líder da competição Flamengo, em casa, por 94 a 90 e, de quebra, ficou com boas chances de ganhar uma posição na tabela de classificação.
 
Após conquistar vaga para as Finais do NBB, Mogi das Cruzes vence o Flamengo
 
O resultado deixou os mogianos com uma campanha de 14 vitórias em 32 jogos na temporada 2013/2014 (43,7% de aproveitamento), situação que ainda pode os deixar na 11ª posição no campeonato, pois caso o Palmeiras/Meltex não vença seu confronto diante do Minas Tênis Clube, nesta quinta-feira, o time alviverde empatará com o Mogi na pontuação e perderá no confronto direto.
 
Nos dois jogos entre as equipes, o Mogi superou o Palmeiras na primeira partida, em casa, por 89 a 69; e perdeu a segunda, por 98 a 91. Dessa maneira, a equipe do interior paulista leva vantagem no saldo agregado de pontos.
 
A vitória do Mogi foi construída graças aos bons desempenhos do armador norte-americano Jason Smith, que anotou 18 pontos, e do ala Guilherme Filipin, que contribuiu com mais 16. O grande cestinha da partida, no entanto, foi o ala Marcelinho, com 29 pontos. Além dele, Marquinhos, com 22 pontos, e Olivinha, autor de um duplo-duplo de 19 pontos e 11 rebotes, também foram destaques da equipe carioca.
 
A partida começou num ritmo bastante intenso e com ambas as equipes acertando tudo no setor ofensivo. De um lado, Marquinhos e Meyinsse foram os principais nomes do Flamengo no primeiro quarto. Do outro, o armador Jefferson Campos comandou o ataque do Mogi, com arremessos precisos de 3 pontos (quatro no primeiro quarto), que ajudaram os donos da casa a liderarem o início da partida por 25 a 23.
 
As bolas de fora continuaram a cair pelo lado do time mogiano, que foi ganhando confiança em quadra. O ala Guilherme Filipin entrou bem no jogo e ajudou os donos da casa a manterem a frente do marcador durante todo o segundo quarto. O norte-americano Washam também foi importante pelo time do Flamengo, que deixou o adversário abrir sete pontos antes do intervalo (45 a 38).
 
A equipe de Mogi das Cruzes foi capaz de manter a vantagem por grande parte do terceiro quarto. Eles, inclusive, colocaram 10 pontos de diferença faltando três minutos para o fim do período (62 a 52). Porém, o Flamengo, liderado pelo ala Marcelinho Machado, não deixou que o adversário se desprendesse e conseguiu diminuir o déficit para somente três pontos (72 a 69).
 
Marcelinho e cia. continuaram pressionando o Mogi no último quarto e chegaram a ficar apenas um ponto atrás no marcador, na metade do período (79 a 78). Porém, o ala Guilherme Filipin se destacou individualmente, com 10 pontos no quarto período, e a equipe da casa teve muita tranquilidade para segurar a liderança até o final da partida.
Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!