Marcelinho estreia com o Fla na Liga das Américas sem pensar em Seleção







Na sexta-feira, foram 23 pontos e o título do Torneio de Três Pontos com direito a recorde do evento. No sábado, 12 pontos e dois rebotes em apenas 18 minutos pelo NBB Brasil, que venceu o NBB mundo por 126 a 116 no Jogo das Estrelas. O desempenho de Marcelinho Machado no Fim de Semana das Estrelas credencia o ala a entrar em quadra nesta sexta-feira, às 21h, contra o Cocodrilos de Caracas (VEM), em Xalapa (MEX), na estreia do Flamengo no Grupo E da Liga das Américas, como protagonista do Flamengo e ainda como um dos grandes nomes em atividade no país. Mas ainda não é o bastante para fazer o jogador repensar sua aposentadoria da Seleção Brasileira.

Hoje com 38 anos de idade, Marcelinho se aposentou da equipe nacional após deixar a Olimpíada de Londres-2012 na quinta colocação. No primeiro torneio sem o ala, a Seleção teve campanha decepcionante na Copa América do ano passado e não conseguiu se classificar para a Copa do Mundo deste ano dentro de quadra – posteriormente, foi convidada para o evento.

Agora, de volta às quadras totalmente recuperado de uma ruptura do ligamento cruzado do joelho direito, Marcelinho já disputou 19 jogos com a camisa do Flamengo no NBB, apresentando média de 18,5 pontos em 30,9 minutos por exibição. É o cestinha do rubro-negro carioca, mesmo dividindo a quadra com nomes como Laprovittola (16,9 pontos por jogo) e Olivinha (14,2).

O camisa 4 do Mengão ainda teve a oportunidade de dividir a quadra com outros alas selecionáveis no NBB. Mas Benite só disputou três jogos antes de se machucar, com média de 15,3 pontos por exibição, e Marquinhos entrou em quadra oito vezes após se recuperar de lesão, e apresenta 11,3 pontos por partida.

O nível de atuação de Marcelinho e os problemas físicos de seus colegas de posição começam a criar um burburinho para que o ala volte à Seleção para jogar a Copa do Mundo. Porém, apesar de não fechar a porta, o jogador não parece comovido o bastante para voltar.

- Eu estou aposentado da Seleção e estou muito feliz com meu retorno às quadras. Com 38 anos, voltar de uma lesão grave e com algumas complicações inclusive... É claro que fica uma dúvida na cabeça de todo mundo: "Pô, será que o Marcelinho vai conseguir jogar ainda?", e até um pouco em mim támbém – contou o atleta, logo após bater o recorde do Torneio de Três Pontos.

- Mas eu puxo sempre pelo lado positivo da coisa. Encarei de frente como encarei sempre todos os desafios da minha carreira, da minha vida, e estou muito contente com o meu rendimento em quadra. E isso é o mais importante – completou o ala.

Agora, o novo desafio para Marcelinho encarar de frente é a segunda fase da Liga das Américas. Após vencer os três jogos que fez pelo Grupo D, o Flamengo estreia nesta sexta contra o Crocodrilos de Caracas e, na sequência, pega o Uberlândia no sábado e o Halcones Xalapa no domingo. Os dois primeiros colocados avançam para a semifinal.

Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!