Flamengo vence outra e continua invicto no ano



























Invicto e consistente. Com mais uma boa atuação, o time Adulto de basquete chegou a mais uma vitória no Novo Basquete Brasil (NBB), competição que lidera após 17 jogos disputados. Desta vez, na noite desta quinta-feira (23.01), a vítima foi o Goiânia, que jogava em casa, no ginásio Rio Vermelho. O Flamengo venceu a partida por 95 a 74, com destaque para o cestinha Marcelinho, com 22 pontos, Laprovittola, com sete assistências, e Cristiano Felício, com nove rebotes.

O Flamengo entrou em quadra com Laprovittola, Gegê, Marcelinho, Olivinha e Meyinsse, no jogo que marcaria o retorno de Marquinhos, MVP do NBB 5, conquistado pelo Rubro-Negro. O ala ficou afastado do início da sexta edição da competição devido a um edema ósseo na tíbia, mas teve o prazer de ouvir a torcida rubro-negra presente em Goiás, maioria no ginásio, cantar "O MVP voltou".

O primeiro quarto começou difícil para o Fla. Murilo se destacava pelo Goiânia, que chegou a abrir 24 a 9. Com boa atuação do armador Gegê, o Rubro-Negro reagiu e diminuiu a vantagem do time adversário, fechando o quarto em 27 a 21. 

No segundo quarto, o novo reforço da equipe rubro-negra, Washam, entrou em quadra e fez boa partida. Marcelinho e Laprovittola marcaram de três, com destaque para o argentino, que ainda sobressaiu nas assistências e roubadas de bola, levando o Fla a boa vantagem na parcial: 14-4. Neste período, para a alegria da Nação, Marquinhos voltou a entrar em quadra depois de quase três meses afastado pela contusão.

Na volta do intervalo, Marcelinho nos arremessos e Meyinsse nos tocos se destacaram no terceiro quarto e ajudaram a construir a larga vantagem do Flamengo na parcial: 20-9. No último período, Felício e Olivinha foram os maiores pontuadores do Rubro-Negro, com 11 e seis pontos, respectivamente, garantindo a oitava vitória da equipe, ainda invicta em 2014, por 95 a 74.

Fonte: Site Oficial do Clube

Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!