Fla desbanca o São José e está na final do NBB







O carrasco estava lá outra vez, com os olhos brilhando. Doido para impor ao Flamengo o mesmo gosto amargo da temporada passada e exatamente na semifinal. São José tinha a confiança de quem já havia derrubado o tricampeão Brasília nas quartas, dentro da casa do adversário. Queria fazer o mesmo com o Rubro-Negro. Não desta vez.  Não na Arena da Barra. Neste sábado, Duda, Marquinhos e seus companheiros mostraram quem mandava naquele pedaço e escreveram um novo final para o roteiro. Venceram por 88 a 76,  fecharam a série em 3 a 2 e ganharam o direito de enfrentar o Uberlândia, que venceu a série contra o Bauru por 3 a 0, na grande decisão do NBB 5, marcada para o próximo sábado, no dia 1º de junho. O palco vai ser o mesmo, já que o Flamengo foi dono da melhor campanha da fase de classificação da competição.

Duda Machado foi o grande nome da partida com 26 pontos marcados. O ala incentiou o Flamengo no terceiro quarto, principalmente nas bolas de três pontos. Na partida foram seis em 11 tentativas. Além dele, o ala Marquinhos também se destacou com um duplo-duplo de 13 pontos e 11 rebotes.

- Quando o jogador sente que está indo bem nas bolas de três pontos, é bom arriscar mais. Agora é pensar na decisão contra o Uberlândia. Espero ajudar a equipe a sair com a vitória - disse Duda.

O clima de tensão que se esperava para a partida por causa da confusão no fim do último jogo não se confirmou em quadra. O São José aceitou esportivamente a derrota. O pivô Murilo foi o principal pontuador do time paulista, com 23.

- Não entramos bem no terceiro quarto, erramos muitas bolas. O Flamengo foi bem e mereceu a vitória. Viemos aqui brigar pela classificação, mas sabemos que nada terminou por aqui e ainda vamos fazer história no NBB. Queria mandar um abraço para o São José e a torcida que sempre nos apoia - disse o ala-pivô Jefferson.

Compartilhe no Google +

About Primeiro Penta

Flamengo até depois de morrer, eu sou!
    Comentários no Blogger
    Comentários no Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Temos o direito de publicar ou não os comentários, já que, segundo a legislação brasileira, somos responsáveis por eles. Assim sendo, a educação é primordial nesse espaço. Comentários ofensivos não serão, obviamente, aprovados.
Comente sempre!